Até quando o mundo aceitará os crimes de Maduro?

Lilian Tintori : Nós gostaríamos de ver o Papa Francisco na defesa dos direitos humanos dos venezuelanos

Oposição venezuelana Lilian Tintori disse em Brasília que a “insistência do Papa Francisco ” em “diálogo” com o governo de Nicolás Maduro é “inaceitável” e gostaria de ver o Vaticano “defender os direitos humanos “. Tintori disse em uma entrevista antes de ser recebido pelo presidente do Brasil, Michel Temer, que a “única” solução para a crise venezuelana “são eleições imediatas”, porque o Governo da Maduro “não aceita” as “condições mínimas” para uma diálogo.

Tintori lembrou que o Vaticano já estava entre os mediadores de um diálogo entre o governo e a oposição “foi um fracasso”, porque “não” para as demandas apresentadas pelos adversários do “chavismo” foram “ouvido” pelo presidente Maduro .

De acordo com a Tintori, contrariamente ao que defende do Francisco pope , que criticou as supostas “divisões” nos setores que se opõem Maduro, “a oposição está unida” e “decidiu” para alcançar o objetivo de uma eleição convocada geral, com garantias democráticas completas. “Infelizmente, não há mais caminhos para o diálogo, porque você não pode falar a tomar prisioneiros políticos, assim que nós gostaríamos de ver o papa defender a vida e os direitos humanos das pessoas” que “sai todos os dias para perguntar liberdade , “disse ele.

 

fonte:EFE

Barrancas Seu Portal de Notícias, Dar Voz Aquele Que Não Tem Voz

Notícias Relacionadas

Autor: direto da redação
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *