AVC após lavar os cabelos em salão de beleza é algo mais comum do que você imagina

Sofrer um AVC depois de lavar o cabelo num salão de beleza é algo mais comum do que você imagina

Uma mulher da Califórnia processou um salão de beleza porque ao lavar o cabelo no local, quase levou a sua morte.

Elizabeth Smith, de 48 anos, arrumou seu cabelo em um salão de São Diego e quase duas semanas após a visita, os médicos disseram a Smith que ela havia sofrido um acidente vascular cerebral (AVC).

Segundo os médicos, a tomografia computadorizada revelou que uma artéria no pescoço de Smith tinha sido danificada, ao encostar na cadeira e no lavatório do salão de beleza.

Mas seria um AVC induzido por um salão de beleza medicamente plausível?

Acontece que a resposta é sim. A condição ainda tem um apelido: Síndrome em Salões de Beleza. Os médicos dizem que isso pode acontecer quando o pescoço está hipertenso.

Sofrer um AVC depois de lavar o cabelo num salão de beleza é algo mais comum do que você imagina

“Quando um paciente está inclinando a cabeça para trás, você pode irritar essa circulação posterior ou ter esse tipo de AVC”, disse o neurologista Dr. Clifford Segil a CBS Philly.

Os sintomas iniciais de Smith incluíam fraqueza em seu braço e perna esquerda, o que logo escalou para problemas mais graves.

“Inicialmente, não conseguia andar de maneira nenhuma. Atingiu os dois lados do meu corpo, porém mais a minha esquerda”, disse ela. “Não conseguia mover meu braço esquerdo”.

Sofrer um AVC depois de lavar o cabelo num salão de beleza é algo mais comum do que você imagina

Os médicos determinaram que foi a posição de sua cabeça em um lavatório que provavelmente causou um coágulo de sangue levando a um AVC.

Smith é uma mãe solteira e dois anos após o AVC ela ainda tem tonturas e perda de visão, tanto que ela acabou caindo recentemente, deixando-a com um olho completamente sem visão. Os médicos dizem que se ela sofrer um segundo AVC, ela poderia morrer.

Sofrer um AVC depois de lavar o cabelo num salão de beleza é algo mais comum do que você imagina

Smith diz que, além do processo, ela quer compartilhar sua história para avisar outras pessoas a terem cuidado.

Para tomar precauções, os médicos sugerem usar toalhas para sustentar a cabeça no local da lavagem durante o esfregar dos produtos capilares, deste modo não se inclinando mais do que um ângulo de 20 graus. Outra alternativa seria ter o cabelo lavado virado para baixo.

Fonte: CBS News

MAIS RECENTES

Autor: redação
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *