Editorial: Sobre Festival Folclórico de Humaitá

As quadrilhas  e os grupos de bois estavam lindos, às diretorias e membros, são heróis por levar aos presentes à sonharem juntos às três noites.

Após 4 anos acompanhando  às quadrilhas e grupos  o Portal Barrancas, quis e  da sua parte  fez tudo o que estava no seu alcance para transmitir ao vivo gratuitamente, mas não teve colaboração da Secretaria Municipal de Cultura, que era disponibilizar um local e uma internet razoável e adequada para isso. Colocamos a disposição um Drone para fazer a gravação as duas últimas noites, também não foi possível.

Acreditamos que na vida muitas coisas dependem da boa vontade, quando se tem, às coisas acontecem,  mas quando não se tem,  e não prioriza, aí nada acontece.

A LIGA das quadrilhas e dos grupos, uma parte da sua diretoria e organizadores, precisam  entender que a imprensa, sejam fotógrafos, cinegrafistas de qualquer veiculo de comunicação, estão ali para colaborar com o evento, e precisam serem tratados como amigos e não como rivais, e a LIGA é a ponte entre a imprensa e o Festival. Não existiriam da dimensão que são hoje o Carnaval do Rio ou o Festival de Parintins, se não fosse  a divulgação através da imprensa, precisam andarem juntos, como parceiros e amigos e com respeito mutuo.O que não aconteceu nesse Festival.

Na primeira e na segunda noite,  falaram não pode sair de um local  para não atrapalhar a evolução das quadrilhas. Ok lá a equipe do Portal Barrancas  nem argumentou  apenas “obedeceu”, depois chegaram outros colegas da imprensa local,  também quiseram coloca-los no espaço, um deles disse não, que nunca tinha visto um absurdo desses ( nem nós tínhamos vistos isso, mas…)  e não iria aceitar forçando liberaram para todos.

Já na última noite, fazem um cordão de isolamento para o público não ficar próximo demais dos jurados (que é correto). Resolvem vender esse espaço isolado e mandam a imprensa sair daquele local ( a palavra mandam porque realmente, foi isso que fizeram, sem educação, sem respeito, como não importasse a divulgação dos grupos, não sabemos se foi só com o Portal Barrancas, se for,  é estranho já que o Portal Barrancas sempre teve um convívio  harmonioso com todos. E a  quem interessaria um absurdo desses?). Para colocarem mesas? Se isolaram aquela parte para o público não ficar junto com os jurados? Daí vendem mesas inexistentes e mudam de ideia com o Festival rolando,   isso é no minimo improdutivo e desrespeitoso.

E as quadrilhas e os grupos do Festival como um todo são muito lindo, as pessoas são apaixonadas por oque fazem, sei disso, porque comecei acompanhar o Festival ou a apresentação dos grupos folclóricos, como queiram chamar, quando era na quadra da Matriz com o meu programa  Humaitá em Foco, foi o primeiro programa de TV de Humaitá veiculado pela Rede Vida ( foi antes do site e não tem  nada haver um com o outro, apenas o dono do site usou o nome, e como era meu amigo não me importei). Faz 4 anos que estou tendo o prazer de acompanhar novamente,  estou vendo a evolução e a criatividade das suas diretorias e dos seus membros.

A imprensa seja  local ( através da internet, se tornou mundial), regional ou nacional, todos os profissionais merecem respeito e os seus meios de comunicação também.  O Portal Barrancas, espera que no próximo ano a diretoria e  os organizadores  da LIGA tratem a imprensa, como amigos e parceiros.

O Portal Barrancas pede desculpas  aos membros das quadrilhas e dos grupos, por não ter todos os  lindos momentos das suas apresentações. O que tivermos postaremos para que todos tenham uma lembrança desse momento especial do show que vocês deram, todos estão de Parabéns pelo espetáculo.

Barrancas Seu Portam de Notícias

 

 

MAIS RECENTES

Autor: redação
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *