Encanto

Por Isaura Ardenghi Reichmann

A noite chega
Aconchegante e bisbilhoteira
Apresenta-se faceira
A lua como destemunha
As estrelas a brilhar
Dando um colorido especial
As luzes da cidade
Como lamparinas acendem-se
A menina na esquina
Com vaidade
Olha encantada
A sua cidade iluminada
Abençoada com o luar
É uma fascinação
Na mente não cabe
Tanta reflexão
O perfume das flores plantadas
No jardim da praça
Em frente ao parque de diversões
A lua não fica alheia
Vem junto com as estrelas
Seus encantos derramar
Lá adiante
A roda gigante
Começa a rodar
E a bela menina
Seus sonhos a despertar

Barrancas Seu Portal de Notícias

Avalie esta postagem

MAIS RECENTES

Autor: isaura ardenghi reichmann
Tags

Notícias relacionadas

Comentários no Facebook

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com