Diocese de Humaitá, no Amazonas, tem novo bispo

Nomeação do Papa para o Brasil: diocese de Humaitá, no Amazonas, tem novo bispo
Nesta quarta-feira (12), Francisco aceitou a renúncia da diocese de Humaitá, no Amazonas, apresentada por dom Meinrad Franz Josef Merkel, nomeando padre Antônio Fontinele de Melo como novo bispo do governo pastoral local.
“Conheço o Dom Francisco alguns anos, quando fui pedir um espaço na Rede Vida para passar o meu programa local “Humaitá em Foco”, fizemos um acordo que seria inédito nas terças-feiras e reprise nas sextas- feiras, e eu faria gravações para a Rede Vida como cederia as imagens do programa para a emissora e assim foi, durante um tempo. E sempre serei grata por isso, por mais que tenha trabalhado muito, agradeço a porta que se abriu através dele, naquele momento.
Certamente deixará saudades para os fiéis e para a cidade de Humaitá-AM. Sempre tentou participar e ajudar a vida dos munícipes de forma discreta, mas ativa, sem fazer politicagem, e sim, politica social de alto nível. Sim fará falta para Humaitá. Para mim, todos somos insubstituíveis, o lugar pode ser ocupado, mas cada um deixa a sua marca pessoal e está marca é insubstituível.  Desejamos ao Dom Francisco, sucesso e que Deus esteja o abençoando, ele continue ajudando a cidade de Humaitá com o seu conhecimento e sua sabedoria.

Damos boas vindas ao novo Bispo da Diocese de Humaitá-AM, e que Deus esteja o abençoando nesta nova jornada”. Mana Reichmann

Andressa Collet – Vatican News

O Papa Francisco aceitou a renúncia ao governo pastoral da diocese de Humaitá, no Amazonas, apresentada por dom Meinrad Franz Josef Merkel. Nesta quarta-feira (12), o Pontífice também nomeou o novo bispo para a diocese, padre Antônio Fontinele de Melo, do clero da arquidiocese de Porto Velho, até agora pároco da Catedral Sagrado Coração de Jesus e ecônomo arquidiocesano.

Padre Antônio, pároco diocesano e ecônomo arquidiocesano

Padre Antônio Fontinele de Melo nasceu em 9 de maio de 1968 em Camocim, no Ceará. Frequentou os cursos de Filosofia e Teologia no Seminário São João XXIII, em Porto Velho, obtendo o reconhecimento dos títulos, respectivamente, na Universidade Católica de Brasília e no Centro Superior de Juiz de Fora, em Minas Gerais. Além disso, fez especialização em Metodologia Educativa e Sagrada Escritura.

Em 18 de setembro de 1999 foi ordenado sacerdote na Arquidiocese de Porto Velho. Durante o ministério sacerdotal, desempenhou os seguintes cargos: reitor do Seminário Menor Dom Helder Câmara (1999-2005); pároco de São Cristóvão (1999-2013); presidente dos presbíteros junto ao Regional Noroeste da CNBB; coordenador da Pastoral da Arquidiocese de Porto Velho (2005-2010); assessor para as comunidades eclesiais de base do Regional Noroeste da CNBB e também foi professor no Seminário Maior São João XXIII da Arquidiocese de Porto Velho, no Centro Universitário Claretiano e na Faculdade de Rondônia, a FARO.

Atualmente, então, era ecônomo arquidiocesano e pároco diocesano da Catedral Sagrado Coração de Jesus, que fica no bairro Caiarí, em frente à prefeitura de Porto Velho, em Rondônia.

fonte: vaticannews.va

Continue lendo
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com