Fuga no presídio de Humaitá

Relembrar é viver:  Alguns anos atrás,  Humaitá estava muito violenta (roubavam até celular da mão do cidadão),  os crimes cada dia eram mais cruéis. Após o assassinato de um comerciante,  a sociedade se mobilizou. Forçando  uma audiência “pública”,  esteve presente o Dep. Estadual Cabo Maciel, na audiência foi discutido um novo presídio,  fora da cidade, tinha até terreno,  atrás do parque de exposições Dr. Renato Gonçalves, deixando longe da cidade,  infelizmente,  ficou apenas na discussão.

O  governador na época Omar Aziz implantou o Ronda no Bairro e,  mandou mais  Policiais Militares, foram transferidos os presos, diminuindo bastante  a violência. Pouco tempo depois, foi transferido para Humaitá o delegado Marcus Rezende que fazia linha dura.

Pararam de acontecer os crimes, deixando a cidade quase sem violência. Mas, como dizem que alegria de pobre dura pouco. Houve um movimento  para traze-los de volta, assim,  lotando novamente o presídio, sem condições, sem Câmara de segurança, com guaritas para os policias pregarias, era somente questão de tempo para acontecer uma nova fuga.

Segundo informações como foi a fuga dos 8 detentos: Foi cavado um buraco  no interior do banheiro de uma cela que dava acesso até a parte externa da unidade. Como não há fiscalização, a iluminação é falha e o mato é alto no local escolhido pelos detentos para a fuga, ainda tiveram  tempo de  construir uma calçada de cimento dentro do buraco, para poderem transitar com segurança.

Nota: A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), em nota divulgada na tarde deste sábado, 25, informa que a Unidade Prisional de Humaitá (UPH), registrou uma ocorrência de fuga de oito internos, na madrugada de hoje.

A Polícia Militar do município recapturou Domingos Vasconcelos da Costa, um dos internos. Os  internos Carlito Matos da Silva, Gedeon José Duque, Luiz Clesio Macedo do Nascimento, Márcio Alves da Costa, Raduan Oliveira Campos, Ronei Lopes da Silva e Wágner Viana Lemos continuam forgidos.

Barrancas Seu Portal de Notícias / com informações da assessoria/

 

Continue lendo

1 Comment

  • JUAN
    JUAN

    o Aeroporto de Humaitá (Publico) não esta e nunca teve interditado ou excluído é só verificar a documentação na ANAC.-

    os documentos apresentados são de outro aeroporto a 29 KM da cidade e é PRIVADO.-

    AS COORDENADAS DE LOCALIZAÇÃO E O NOME DOS AEROPORTOS SÃO DIFERENTES

    a Map deixou de vir ha um ano atras por problemas de custo e as passagens eram de um custo alto, como diz claramente a materia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com