Livro do Ex-diretor das empresas de Lulinha resolve contar tudo em livro

Marco Aurélio Vitale, ex-diretor do grupo Gol e outras empresas de Lulinha resolveu contar em livro os detalhes dos negócios de Jonas Suassuna com Fábio Lula da Silva, o Lulinha, e os irmãos Bittar.

O livro Sócio do Filho revela as sociedades criadas e os negócios forjados visando o enriquecimento de Fábio Luis – conhecido como Lulinha, filho mais velho do ex-presidente Lula – e de seus sócios: Jonas Suassuna, Fernando Bittar (proprietários do Sítio de Atibaia) e Kalil Bittar.

Mais que denúncias, o livro conta como essas sociedades foram meticulosamente planejadas, negócios de fachada oficializados através de contratos sem nenhuma lógica comercial e possibilitando que empresas como a Oi jorrassem milhões de reais em operações que colocam sob suspeitas as vantagens políticas e econômicas obtidas durante o período em que Lula era presidente do Brasil.

O leitor conhecerá a fundo os interesses e negociatas por trás do episódio em que a Telemar/ Oi realizou a aquisição da operadora Brasil Telecom apostando antecipadamente na mudança do Plano Geral de Outorgas – Decreto 2.534 de 1998 – que regulamentava o setor de telecomunicações e foi alterado pelo então presidente Lula.

Um negócio de 4,8 bilhões de reais que tinha como objetivo a formação de uma super empresa de telefonia e beneficiou diretamente a empreiteira Andrade Gutierrez do empresário Sérgio Andrade e a La Fonte de Carlos Jereissati.

Nos anos seguintes, o Grupo Gol de Jonas Suassuna realizou negócios fraudados com o Governo do Estado do Rio de Janeiro na gestão de Sérgio Cabral e a Prefeitura do Rio de Janeiro, na gestão de Eduardo Paes, também intermediados pela operadora Oi e que trouxeram prejuízos de milhões de reais aos cofres públicos.

Antes de escrever Sócio do Filho, o autor teve o cuidado de entregar, pessoalmente, todos os arquivos e documentos que atestam a sua veracidade à Polícia Federal do Paraná – Força Tarefa da Lava Jato. Além de entregar voluntariamente essas provas, oficializei em depoimentos os fatos aqui relatados à Receita Federal – Força Tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro, Ministério Público Federal no Rio de Janeiro e Polícia Federal – Força Tarefa da Lava Jato em Curitiba.

Fonte: Skoob

Avalie esta postagem

MAIS RECENTES

Author: redação
Tags

Comentários no Facebook

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com