NASA identifica mais um asteroide que se aproxima da Terra a 32.000 km/h. Veja simulação

“A Nasa divulgou mais um asteróide com potencial destrutivo para a Terra. Segundo a agência americana, o objeto poderia medir entre 1,7 e 4,1 quilômetros de diâmetro, com base na magnitude observada pelos pequisadores”

 

Da Agência Russa Sputnik News – O asteroide (52768) 1998 OR2 é a maior rocha espacial a se aproximar da Terra em 2020, de acordo com o Centro de Estudos de Objetos Próximos à Terra (CNEOS, na sigla em inglês).

As informações indicadas pelo CNEOS indicam que o objeto poderia medir entre 1,7 e 4,1 quilômetros de diâmetro, com base na magnitude observada.

O asteroide estará no ponto mais próximo da Terra no dia 29 de abril, passando a aproximadamente 6,4 milhões de quilômetros do nosso planeta, ou seja, 16 vezes a distância entre a Terra e a Lua. A rocha espacial passará a incríveis 32.000 km/h.

É um grande asteroide de aproximadamente 2,46 km de diâmetro que vai passar perto da Terra no dia 29 de abril de 2020 a uma distância 16,4 vezes maior do que a [distância] entre a Terra e a Lua.

A órbita do asteroide é bastante conhecida e não há possibilidades de uma colisão, pelos menos nos próximos dois séculos, de acordo com os cálculos da sua trajetória.

No entanto, o objeto é classificado como “potencialmente perigoso” já que vai se aproximar a menos de meia unidade astronômica (cerca da 7,4 milhões de quilômetros) da Terra, avança Newsweek.

De acordo com a Sociedade Planetária, um asteroide de um quilômetro de diâmetro é grande o suficiente para destruir a Terra. Mesmo assim, cientistas afirmam que não há que perder sono por causa do encontro que se aproxima.

 

https://br.sputniknews.com/ciencia_tecnologia
https://www.brasil247.com

Continue lendo

Comentários no Facebook

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com