O STJ solta presos pela Operação Capitu

Nefi Cordeiro, do STJ, revogou as prisões temporárias de dois investigados na Operação Capitu: o ex-ministro da Agricultura Neri Geller e o ex-secretário de Defesa Agropecuária Rodrigo Figueiredo.

O ministro alegou que “a colaboração do acusado não pode ser judicialmente exigida e é sempre voluntária”. Segundo ele, houve excesso nas ordens de prisão.

“A falta de completude na verdade pode ser causa de rescisão do acordo ou de proporcional redução dos favores negociados, mas jamais causa de risco ao processo ou à sociedade, a justificar a prisão provisória.”

A Capitu investiga esquema de corrupção no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento ocorrido em 2014, que supostamente beneficiaria o Grupo J&F.

Geller e Figueiredo foram presos porque os investigados continuariam a ocultar fatos, muito embora aparentemente se comportassem como se estivessem colaborando com a justiça, assinando acordos de colaboração premiada.

 

fonte:oantagonista

Barrancas Seu Portal de Notícias

Continue lendo

Comentários no Facebook

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com