Primeiro bairro inteligente de Manaus terá pavimentação inovadora e diferenciada

Ruas e avenidas do Parque Mosaico terão asfalto de alto padrão para garantir qualidade e durabilidade para os usuários

Em consonância à ideia central do primeiro bairro inteligente de Manaus, o Parque Mosaico, que preza pela preservação e convivência harmoniosa com o meio ambiente, o novo projeto residencial também contará com ruas e avenidas pavimentadas com uma estrutura diferenciada e inovadora.

Além de diversas vantagens e tendência mundial que o mais novo empreendimento está trazendo para a capital amazonense, o Parque Mosaico contará com avenidas e ruas edificadas dentro das normas para elevar o tempo de durabilidade do asfalto, evitando os buracos e proporcionando acesso tanto para os moradores do local quanto de áreas circunvizinhas.

Investimento diferenciado

De acordo com o setor de engenharia da construtora, n as ruas e avenidas do bairro será utilizado asfalto previsto para tráfego intenso, de até 100 caminhões por dia por faixa de tráfego, visando a durabilidade do pavimento em padrão superior ao praticado na cidade atualmente. Um dos diferenciais é utilizar o asfalto efetivado em quatro camadas, sendo subleito, sub-base, base-granular e concreto asfáltico, totalizando um metro de camada de pavimento, garantido a qualidade e durabilidade do pavimento.

Com um investimento de mais de 10 milhões de reais apenas na primeira etapa de pavimentação do bairro, inicialmente estão previstos a utilização de 10.000 m2 de pavimentação até dezembro de 2019. Ao total serão aplicados cerca de 84.000 m2 de pavimentação nesta primeira etapa do novo bairro, o que resulta em elevado padrão de qualidade, se comparado ao material normalmente utilizado pelo poder público nas cidades.

Entre os fatores trabalhados para oferecer maior durabilidade à pavimentação que está sendo construída, José Henrique Lanna explica especificidades que tornam o projeto singular e seguro. “Todo empreendimento é entregue com drenagem profunda, composto de ponto de verificação em caso de manutenção, boca de lobo para captação da água superficial evitando alagamentos, tanques de retenção para captação da água, além de guias de padrão americano (concreto extrusado) em 100% do empreendimento, entregando qualidade, beleza e eficiência, garantindo a durabilidade do pavimento”, afirma o empresário.

Além disso, toda a execução de pavimento é acompanhada por laboratório tecnológico, garantindo a qualidade do produto aplicado. E conforme o projeto, entrega um laudo garantindo a execução da pavimentação dentro dos parâmetros definidos.

Vantagens e privilégios

O empresário ressalta que o projeto ainda está em implantação, mas além das ruas e avenidas com qualidade, os moradores poderão desfrutar de uma infraestrutura completa desde a primeira etapa do projeto, tais como:
• faixas de pedestres elevadas no nível da calçada agregando acessibilidade (cadeirantes atravessam a rua sem desnível) e a walkability, que é favorecer o ato de caminhar para o pedestre;
• extensos trechos de ciclovias com 3,5m de largura e sempre que possível abrigada e longe da rua para proteger o ciclista, favorecendo a utilização de bicicletas como meio de transporte;
• um parque com mais de 723.000 metros quadrados que auxilia o controle climático da região, o qual impede a criação de ilhas de calor e gera entretenimento para os moradores;
• calçadas largas, as quais terão três metros na avenida principal, 2,10 metros nos trechos onde têm ciclovias, e 1,5 metros nas ruas secundárias; dois metros de largura no canteiro central das avenidas;
• arborização dupla nas calçadas, com árvores dos dois lados da rua que garante sombreamento na caminhada; paisagismo diferenciado, assinado pelo arquiteto Benedito Abbud (calçadas em piso intertravado drenante e valorização de espécies locais);
• redes de drenagem pluvial com tanques de retenção que são um mecanismo protetor contra qualquer possibilidade de enchentes;
• pavimentação em padrão superior e de longa durabilidade (pavimento reforçado para fluxo de veículos pesados);
• redes de água e esgoto (em todo a extensão do bairro)
• espaços públicos planejados (praças, igreja, mobiliários urbanos diferenciados)
• guia de meio fio em padrão americano (concreto extrusado moldado in loco)

Mobilidade urbana

As vias padronizadas e o verde abundante devem estimular o retorno de um hábito antigo do amazonense: a caminhada. Além disso, os idealizadores do projeto apostam na utilização da bicicleta como meio de transporte mais frequente tanto no parque quanto nas inúmeras praças que serão construídas.

Segundo o empresário Jose Henrique Loureiro Lanna, sócio-diretor da Mixcon Incorporadora, o bairro apresenta um conceito inovador, que está sendo amplamente difundido em todo o mundo, o “Novo Urbanismo”, que alia inovação a qualidade de vida, promovendo sinergia entre os diversos tipos de uso: moradia, comércio, serviços, lazer, cultura. Os espaços são interligados, propiciando a “walkability”, tendência mundial de resgate da caminhada. A concentração das principais demandas dos moradores na mesma área evitará o deslocamento para outras regiões da cidade e, por consequência, a diminuição da perda de tempo em congestionamentos e estresse.

Continue lendo

Comentários no Facebook

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com